Por Telmo Fonseca e Leal Rodrigues

O Action Air tem vindo a dar passos de bebé em Portugal ao longo de vários anos, e pela mão de várias entidades, embora hoje se note um pouco mais de participação por parte dos atletas. E embora continue ainda a ser uma atividade residual quando comparada com o Airsoft recreativo – que atrai o grosso dos praticantes nota-se já algum crescimento, a começar pelos apoios.

Depois de termos batido a várias portas, e constatado que todas estavam trancadas, decidimos pôr mão à obra, obra esta que se avizinhava difícil. Mas no final os resultados acabam por estar à vista, e a melhor forma de quantificar o sucesso é mostrar os números “brutos” daquilo que foi a primeira edição deste Campeonato Nacional de Action Air:

  • 10 Provas
  • 60 Pistas
  • 80 horas de Competição
  • 1160 Disparos no Mínimo
  • 5800 Pontos possíveis
  • Um resultado apurado de factor 1000 em disputa
  • 50 Atletas masculinos
  • 5 Atletas Femininas
  • 22 Clubes Desportivos

Em relação ao “staff”, as 10 pessoas que ergueram a estrutura com mais de 250 horas de trabalho conseguiram atrair um número considerável de empresas para apoiar a prova, nomeadamente:

  • Combate Virtual
  • Shot Zone
  • Vimapa
  • Precision Mechanics Airsoft
  • Base Bravo
  • Airsoft Mechanix
  • Linha de Fogo
  • BlackHawk Airsoft
  • Contractor House
  • Folhiprata
  • skwairsoft / Secutor
  • Duel Code

Mas também 14 entidades estiveram ao nosso lado, tornando possível montar toda a estrutura:

  • Câmara Municipal de Cascais
  • União de Freguesias de Carcavelos e Parede
  • Agrupamento de Escolas de Carcavelos
  • Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos
  • Junta de Freguesia da Arruda dos Vinhos
  • Clube Desportivo e Recreativo A-do-Barriga
  • Junta de Freguesia das Cardosas
  • Clube Desportivo e Recreativo das Cardosas
  • Câmara Municipal de Vila Franca de Xira
  • Junta de Freguesia de Vila Franca de Xira
  • Grupo desportivo e Cultural Loja Nova
  • União de Freguesias de São João das Lampas e Terrugem
  • Sociedade Recreativa Santa Susana e Pobral
  • Bruxa Pimenta

A juntar às últimas, alguns patrocinadores pontuais chegaram-se à frente, nomeadamente:

  • Clube Batalhão Operacional de Airsoft
  • Clube de Airsoft Toysoldiers

Por fim, e não menos importante, é de enaltecer o essencial apoio de cinco Associações de Promoção de Desporto – APD, a saber:

  • Associação Lusitana de Airsoft
  • Associação Nacional de Airsoft
  • Associação Portuguesa de Milsim e Airsoft
  • Clube de Airsoft de Cascais
  • Associação Portuguesa de Tiro Desportivo Action Air

Sérgio Santos, Campeão Nacional de 2017/2018, afirma que “foi um ponto de viragem na minha vida, como atleta e como homem. Aprendi a lidar com a competição com a competitividade e com pressão, com stress,  a corrigir erros , a evoluir e reconhecer a qualidade dos adversários”.

Mais importante que qualquer rescaldo nosso, são as imagens que falam por si próprias, que contam uma história entre muitas que compõem o nosso Action Air, e que agora apenas importa refletir se serão para repetir:

Ficam ainda aqui alguns links, para quem pretenda revisitar ou apenas saber mais. Os nosso parabéns a todos os envolvidos no Campeonato Nacional de Action Air.

https://www.facebook.com/lusitanoactionair/

https://actionairpt.wixsite.com/actionair

https://www.youtube.com/channel/UCcNdwTXY30ead_J4vYumRqA

Anúncios