Por Telmo Fonseca

Quer o terreno de jogo, quer a equipa organizadora, dispensam apresentações, estando assim reunidas as condições para mais uma excelente prova de Airsoft no passado dia 22 de outubro, num evento que contou com a presença de sensivelmente 220 praticantes. A Fábrica da Pólvora foi o palco escolhido para o Eagle Strike 5, organizado pelos Black Eagles Team.

E nestas andanças do Airsoft, por vezes há dias em que parece que tudo ajuda e flui da melhor maneira possível. Os BET já cá andam há tempo mais do que suficiente para saber o que fazem, tendo já brindado a comunidade com dezenas de eventos de qualidade irrefutável, e que ficarão para sempre inscritos na história do Airsoft em Portugal.

Já o terreno apresenta das melhores condições em que já tive o privilégio de poder jogar (e organizar) eventos de Airsoft. Entre zonas com todo o tipo de mato, as mais variadas edificações e uma morfologia esquizofrénica, confesso que não me recordo de ter participado em um único jogo mau neste local. O facto de o referido terreno estar atualmente “vedado” a organizações de eventos de Airsoft – por motivos que prefiro nem explicar, até porque não são para aqui chamados – atraiu-me instantaneamente à ficha de inscrição disponibilizada pelos organizadores. Campo excelente, mais organizador excelente… Só podia resultar bem.

A quinta edição do seu evento inserido nas Seixalíadas – sendo inclusivamente um dos mais importantes eventos inseridos nesta semana anual de provas desportivas promovidas pela Câmara Municipal do Seixal – não ficou atrás, pecando apenas pelo módulo de jogo espartano. E isto também apenas porque os BET já nos brindaram no passado com verdadeiras pérolas de intricada complexidade e logística, sendo que o ES5 apanhou-me de surpresa pela sua simplicidade. Duas equipas, duas bases, dois objetivos, algumas missões suplementares, e estava lançado o mote para mais uma manhã muito bem passada.

E não me estou a queixar… a culpa é da equipa organizadora, que pelo seu passado de promotor de eventos, deixa-me sempre com água na boca, a pensar quando é que vai aparecer uma esquadrilha de Blackhawks verdadeiros ou coisa parecida. Embora seja justo afirmar também que nem sempre é preciso complicar. Pelo que pude observar, o jogo foi fluído, funcionou bem, e proporcionou bastante diversão a todos os presentes.

Com vários apoios e individualidades presentes, entre empresas, autarquias, APD e até uma loja – Zoobotânica, Ricardo Aurora Seguros, Clube Recreativo da Cruz de Pau, ALA-APD, a loja Seven Shots a própria junta de Freguesia – aquele lado sério e semiprofissional do Airsoft ficou bem patente entre todas as equipas de todos os quadrantes presentes, sendo que a cereja no topo do bolo foi a associação deste evento a uma ação de angariação de bens para as vítimas do incêndio no Concelho de Vouzela, promovida pela ALA-APD.

A contribuição de todos ficou bem patente, tendo seguido para quem mais precisa uma carrinha literalmente cheia até ao teto, e deixando mais uma vez no ar, e perante todos os quantos nos queiram ver, que somos muito mais do que meia dúzia de arruaceiros que gostam de armas de brincar.

E no final, a oferta de uma arma – e não um “mono”, mas uma arma de Airsoft como deve ser – a um feliz contemplado, coroou o final de mais uma prova de Airsoft com a qualidade que se esperava. Os meus sinceros parabéns aos Black Eagles Team, a quem os apoiou em mais um excelente evento, e claro, a todos os que acorreram ao mesmo. Vocês representam aquilo que há de melhor no Airsoft: convívio, diversão, respeito, maturidade e, pelo menos do meu ponto de vista durante toda a duração da prova, uma fantástico fairplay! Do meu ponto de vista, foram todos literalmente gigantes!

Nota final para o meu agradecimento pessoal ao Batalhão Operacional de Javas, por me deixarem integrar as vossas fileiras durante este evento. É sempre um prazer e um previlégio!
Correção: por lapso, no texto original foi feita referência a uma loja de Airsoft que não foi a que estava presente no evento. Já corrigimos, e lamentamos o erro. A loja presente no evento foi a Seven Shots.

Anúncios