Por Telmo Fonseca

No rescaldo da publicação da Diretiva nº 6/2017, e da consequente reação por parte das APD, queremos saber a opinião dos nossos leitores.

Mais não seja, até para todos podermos traçar um retrato daquilo que os praticantes de Airsoft em Portugal sentem em relação a todas estas mudanças a que assistimos recentemente, e a forma como isso nos vai, ou não, afetar a todos.

 

 

Anúncios