Por Paulo Fragata

Desde muito cedo, sempre tive paixão pelos paraquedistas americanos da segunda guerra. Chegava a comprar bonecos à escala 1/72 para os pintar (e confesso que também para brincar com eles!). Em 2009 lancei-me na aventura de começar a fazer o boneco Airborne da 506 PIR (Parachute Infantry Regiment), mais precisamente, a mítica 101st Airborne.

Inicialmente, contei com a ajuda de duas pessoas que já muito entendiam da matéria, sendo eles o Jorge Fernandes (Morpheu) e o Pedro Micaelo (Mike), que na altura estavam na loja Camuflado, onde fiz a minha primeira compra deste boneco. À partida não se faz ideia do que se vai gastar, e vamos perguntando preços ao mesmo tempo que se pesquisa lojas no estrangeiro. Faz-se um cálculo inicial de forma a investir num primeiro “pack” que permita começar a jogar. A minha primeira compra foi a farda paraquedista reforçada, juntamente com o capacete M1, os suspensórios e o Cantil com a respectiva cover. Estava já entusiasmado, mas não me dei por contente, tendo começado a procurar lojas na europa, com mais variedade de artigos.

ww3

Desde 2009 que ainda não parei de investir. Quando penso que já tenho tudo, basta uma pesquisa para encontrar novos itens. Nunca fui muito de fazer contas aos investimentos feitos, mas posso adiantar que se gasta uma boa quantia em todo este equipamento. Assim por alto, incluindo réplicas de armas, este boneco com tudo o que tenho agora ronda os 1.500 euros. Não obstante, num equipamento base pode-se gastar apenas entre os 300 e os 600 euros. O meu material foi adquirido em algumas lojas de referência, e da minha preferência, tais como a “Soldier of Fortune” (Reino Unido), a Zib Militaria (Alemanha) e a Paratrooper (França), embora alguns artigos raros, entre os quais alguns originais, tenham vindo do Ebay. Na sua maioria, os artigos originais são demasiado caros, mas existem algumas exceções, das quais destaco o cinturão M35, o Kit Medic Box ou a bussola de pulso.

ww2

O “kit list” de todo o equipamento que tenho neste momento é o seguinte:

  • M1 Helmet
  • Helmet Net
  • Luminous Helmet Disc
  • Leather Para Chincup
  • Paratrooper Criket
  • Garrison Offic. Cap
  • M1944 Dust Goggles
  • Type III M1943 dust goggles
  • Jump Suite M1942 Reenforced
  • Cocoran Para Boots; Shoulder pads
  • Airborne gloves
  • Drop Down Rope
  • M1936 suspenders
  • Thompson Mag Bag
  • US Mag Pouches Thompson
  • 2x Riger pouch
  • M1923 Colt 45 pouch
  • M43 Water bottle set
  • M36 Pistol belt
  • 1911 Holster
  • 1923 Garand M1 Ammo Belt
  • M43 tool & cover
  • US shoulder M3 holster for Colt 1911
  • British Gas Mask Bag
  • M5 Assault Gas Mask Bag
  • Musset Bag; M1936
  • Airborne First Aid Packet
  • First aid pouch M1942
  • First Aid Kit box
  • US wrist compass
  • US Compass pouch
  • Camouflage Scarf
  • Gas Alert Brassard
  • Para Documents

E o armamento:

  • M1 Garand
  • Thompson M1A1
  • M3 Grease Gun
  • Colt 1911
  • Mk11 Grenade (lemon Grenade)
  • M3 knife with M6 scabbard
  • Hawkins Mine.

ww4

Ter tudo isto e não ter jogos para usar, seria uma enorme frustração, obviamente, pelo que em 2009, na altura que comecei a fazer o boneco, sondei amigos que tinham o mesmo interesse que eu, e perguntei-lhes se não estariam interessados em acompanhar-me e, quem sabe, conseguir fazer um primeiro evento da temática WWII. Qual não foi o meu espanto, quando constato que havia muita malta interessada, inclusivamente em fazer o boneco Alemão. Foi o ponto de partida para a elaboração de um evento que se veio a realizar no ano seguinte, no mês de Novembro.

O “Bouveral” foi o 1.º Evento WWII em Portugal a uma escala minimamente satisfatória, quer em termos de caracterização quer em número de participantes.

Alguns anos antes, algumas pessoas tinham tentado fazer um evento temático da WWII, mas devido à escassez de material não foram equiparáveis ao “Bouveral”. Não é arrogância ou prepotência afirmar isto, apenas fatos concretos. Evidentemente que não consegui isto sozinho. Tive o apoio de todos os intervenientes que, desde a criação do evento se mostraram empenhados em conseguir fazer dele algo memorável. O “Bouveral” tornou-se assim, e a partir daí, no jogo anual da WWII, dando continuidade a esta saga de eventos temáticos da WWII, realizados todos os anos no mês de Outubro.

Devo realçar que, nesse ano, o “Bouveral” foi realizado pela equipa Screaming Eagles (Braga), com apoio incondicional de alguns praticantes que eram associados CAM, os quais pelo seu investimento pessoal e espírito de grupo, tornaram possível o início da vertente de encenação histórica no Airsoft.

Apesar de recriminados e insultados pela direcção CAM de então, a qual fez ainda questão de não apoiar o evento, a vontade do grupo prevaleceu e a vertente nasceu e proliferou.

Anúncios